Casa di Bebel ... Rabiscos sem papel

Casa di Bebel ... Rabiscos sem papel

07 fevereiro 2008

CANTINHO IV

Esse é meu cantinho do "Relícário da Minha Nossa Senhora Vermelha"!!!
Poderia chamá-lo (como muitos chamam) de criado-mudo, mas aqui existem tantas falas ... tantos sons ... tantos pedidos escondidos que são sussurrados em dias tristes ... tantos sorrisos de gratidão. Nessa mesinha há pequenos pedacinhos de mim e de quem amo!
Quando preciso me conectar eu peço à ela ... minha "Nossa Senhora Vermelha", querida e colorida por suas luzes furta-cor.
Ela me veio junto com minha mãe e meu pai quando me visitaram pela primeira vez aqui em Curitiba. Achei-a numa lojinha perto aqui de casa ... há tempos procurava por ela e sei que ela me esperou. Hoje dorme ao meu lado e preenche minha vida de cor e amor. Espero que ela viva comigo pela minha vida à fora ... porque desde sempre ela mora aqui ... por dentro.

4 comentários:

Cris de Bourbon disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cris de Bourbon disse...

Bel...já vi todos os cantinhos da sua casa postado aqui e adorei cada um. É um estilo rústico, místico, uma energia bem bacana. É uma casa bem sua né...decoração dada pelos amigos, coisinhas feitas tão amorosamente pelo seu papy...muito lindo! Quando casei aprendi a bordar ponto cruz. Quando nasceu meu segundo filho eu estava uma 'bala' no bordado...bordei tudo, do alto do mosquiteiro do berço, aos quadros, passando pelas fraldas, camisetinhas, almofadas, tudo com o tema de ursos...e eu me sentia o máximo mostrando a minha arte para quem chegava, coisinhas feitas com tanto carinho e dedicação, praticamente 8 meses só bordando, me preparando para a grande chegada!
Ai! Fico toda feliz só de lembrar.

Bel disse...

Cris... és prendada mesmo. Eu...sou tristíssima nas habilidades manuais. Imagino-te...sentada bordando com uma barriguinha redonda e um sorriso aumentado pela vida. A velocidade do tempo medida pelos pontos de uma agulha!
Um beijo, Bel.

Daniella disse...

Bel, amei seu cantinho, principalmente sua "Nossa Senhora Vermelha"!!! É lindinha demais!!
Vc tem uma alma poeta mesmo, até a imagem é diferente! Sou devota e essa é especialmente 'charmosa'!
Bjins, Dani.