Casa di Bebel ... Rabiscos sem papel

Casa di Bebel ... Rabiscos sem papel

10 fevereiro 2008

Para lembrar que depois que se desce.... se sobe! Novamente....


Foram quase 1.500 degraus pra descer ...primeiro ...descer. Imagine como foi a subida ... fiquei morta, mas cheguei!
Cachoeira do Caracol em Gramado, 2007.

8 comentários:

Dama disse...

Ihhhhh Belzinha, vc é corajosa viu? Eu não tive coragem de descer, optei pelo teleférico e me dei por contente, sou meio preguiçosa, kkkkkkkkkkk.
Tenho vindo sempre aqui, mas ainda estou meio jururu e sem ânimo pra comentar. Mas já isso passa e volto com força total.
Beijão bem grandão, do tamanho da escadaria do Caracol.

Dama disse...

P.S. acabei de ver que o blog tá ficando mais "arrumadinho". Agora já tem contador de visitas e lista dos blogs amigos.Adorei.

Bel disse...

Daminha...venho aprendendo. Mas confesso que é o Jùnior que me ajuda...sou bem ruinzinha pras novas tecnologias. Mas...aproveito o auxílio...
Beijos, querida....bem vinda!!
Bel.

Mural da Zeiza disse...

Ei tazaí??? Agora q vi teu blog, não acesse hj o dia todo...uma preguiça de dar dó...keria ter mandado o Tutu pra uma colonia de férias...preguiça até de fzr o dadau dele...tadiiiinho, mas eu fiz tudo e ainda passei 8 camisas do Moa pra aliviar a consciencia...rsrsrs

Agora q vi as contagens on line...adorei e ja copiei...e a lista de blogs...muito pratico isso e interessante tbm, legal as pessoas saberem onde passeamos...e Por aí alguma novidade???
Bjssss

Bel disse...

Comadre... a preguiça contagia! Fiquei assim também...ainda mais que sai ontem e voltei as 4 da matina...quebrei tudo e coloquei a a tristeza no seu lugar!!!
O Tujú que me ajudou..mostrei as dicas da Marina lá no teu blog... e ele acertou direitinho...como tu, né? E a contagem ele pesquisou.
Vamos nos falando...saudades. Beijos, Bel.

Marina String disse...

Bel..realmente o rosto mostra cansaço,mas deve ter valido muito pena,não é?Beijos e boa semana!

Cris de Bourbon disse...

Beeeeeeeel, que coragem!! Eu fui com um casal de amigos lá, eles foram de tênis, bonê, malha, bem preparados para descer, e eu lá, toda empetecada, de salto plataforma... já sabia que ia ficar zonza no décimo degrau! Adorei o parque, mas nem fiz trilha, nem desci...cada placa que dizia: aqui vc encontra cobra coral, cobra disso, mais aquilo, tinha vertigem...que terrorismo!!!! Agora imagine: eu fiquei sentadinha no banco, bem perto do começo das escadas, vendo todo mundo descer alegre e saltitante... depois os via subir se jogando no ultimo degrau, pedindo agua, desesperadamente água...não tinha como não rir das situações.

Parabéns pela coragem! agora conta, vc ficou pra morrer de cansanda, não ficou não? É muita coisa!
beijooooo

Bel disse...

Marina e Cris...até a minha alma cansou...juro. Nunca senti um desepero tão grande! Estava só com café da manhã! Mas já era mais de 4da tarde. Não sabia nem que tinha esse desafio. Disse ao Júnior que esperaria sentada naquele banquinho (Cris)...mas ele faz tanto por mim.Daí...vi ele indo na frente...todo empolgado em ver a cachoeira...comecei a ver um povo subindo...e todos mortos...tomei coragem...comecei a descer aos pouquinhos pra ver se o alcançaria. Tínhamos um outro agravante a cachoeira fecharia as 5...então... todos já haviam descido ou subido...estávamos praticamente sozinhos. Mas...deu tudo certo. A cachoeira é linda...lá em baixo!!! Cheia de queda!Muito respingo de água! Mas a subida..nossa acelera o coração de um jeito!!!!
Mas no fim... lá pelas 6 da tarde fomos ao Café Colonial de Gramado e nos esbaldamos.