Casa di Bebel ... Rabiscos sem papel

Casa di Bebel ... Rabiscos sem papel

04 agosto 2008

... que o manto azul lhe cubra de luz e cor.

Naquele exato momento ela deveria estar com os olhos fechados pra se abrir por dentro. Fariam recortes seus. Fariam pequenas invasões que ficariam diminuídas pela necessidade da investigação. Do lado de cá ... ela esperava com fé e ternura. Esquivava-se do olhar viciado em direção ao relógio. Tentava pensar em coisas outras que não fossem ela. Desejou estar no seu lugar.
Deixou o coração palpitar à seu tempo e diminuiu sua apreensão. Olhou a sua Nossa Senhora Vermelha e soube dela que tudo correria bem. Até as horas. As duas horas.

9 comentários:

Sofia Fada disse...

Oi, querida. Tenho tido tão pouco tempo ultimamente... mas adoro seus comentários no meu blog.. hoje tive uma brechinha aqui e fiquei muito feliz por ver e ler tantas coisas novas e lindas... Adoro ficar de olhos fechados para me abrir por dentro, descobrir novos mundos, novos sentimentos...
beijos!

Biana França disse...

Olá,Bel.
Olha como são as coisas, vi vc comentando no HVA, então vim dar uma olhada no seu blog. E não é que tô gostando muitão do q vc escreve.Tô só no comecinho, mas vou tentar ler tudo.Também amo escrever, mas não tenho coragem de mostrar nada do que escrevo, rsrs.
Bom, vou ficando por aqui...
Bjus.

Bel disse...

Num dia tumultuado. Cheio de sobressaltos me vêm vocês duas: que delícia de janela .. essa minha.

Sofia, querida. Adoro ler tuas poesias e saber que quando podes vens passear por aqui. Espero que possamos criar raízes.
Um beijo, Bel.

Biana,
...a vida é cheia de purpurina mesmo. Naquele caos de lá me vêm você. Seja muito bem-vinda. Passeie quando quiser, as janelas ficam mais bonitas se puderem te emoldurar...por aqui.
Quanto a escrever...espero (que muito em breve) eu possa te ler. Arregasse tuas mangas e atreva-se. Faça pra você mesma. É assim que deve ser...fazer o que nos dá prazer...pra gente...primeiro.
Vou esperar pelo teu primeiro escrito com ansiedade, viu?
Um beijo e obrigada pela presença carinhosa.
Bel.

Biana França disse...

Humm, obrigada pelo incentivo!!!!
Bjus enormes, linda!!!

Mural da Zeiza disse...

O Comadreeee que avalanche de grosseirias...credoooo!!! Fico triste e inconformada de ver qtas pessoas intolerantes e insensiveis há neste mundo...Mas deixa pra lá...não fosse ver minhas novas posts?? Por favor heim...Bjsss com saudadesss
Ahh ainda bem q no meio disso tudo vc recebe pessoas keridas aki como a Biana e a Sofia...Q legal!!! Viva as coisas boas da VIDA

Mural da Zeiza disse...

DIgo grosserias

SGi/Sonia disse...

Tô bem brava, gosto muito muito do que você escreve e gosto muito da Cris.
Não conheço pessoalmente vocês, mas sei quem são vocês.
Me entristece vendo pessoas sendo grosseiras.

Mudando de assunto. "Tenho" que passar o endereço dos brechós é que quando vejo minha sogra esqueço de pegar o endereço certinho com ela...

Olha a coincidência, eu visito a Geisa e só agora caí em mim que você e a Dinda daquela coisinha mais linda do Arthur!
Blogsfera pequena essa né?

Beijins

adriana disse...

Bel,
sou uma super amiga da Cris, do HVA.
Fico muito triste com a maldade daqueles anônimos. Acho muita indelicadeza.
Tenho certeza que a Cris deve ficar triste demais com isso tudo.
Com carinho,
Adriana

Marsyah disse...

Bel,

Gostei da sua superioridade.
Tô gostando de como vc tá administrando tudo isso.

Parabéns, vc tem classe.